Quer ganhar algum dinheiro?

Quer ganhar algum dinheiro?

5 minutos Quer ganhar algum dinheiro?   Quer ganhar algum dinheiro? Então cometa um crime. Já venho sustentando há algum tempo que o crime compensa no Brasil. E, de fato, o decurso dos anos só vem reforçando essa minha impressão inicial. Descobrir a autoria de um delito em nosso país é algo bem difícil. Como sabido, em média apenas 8 por cento dos crimes perpetrados em território nacional são descobertos e viram processos, sendo a cifra negra da criminalidade algo em torno de 92 Continue lendo

Atenção, o fogo queima!

Atenção, o fogo queima!

6 minutos Atenção, o fogo queima!   Há verdades na vida que não precisam ser demonstradas para que sejam consideradas incontestáveis. Não é preciso colocar a mão no fogo pra saber que ele queima. Não é preciso tomar chuva pra saber que a água molha. Não é preciso ser economista pra saber que quanto maior a procura, maior será a oferta. São Leis da vida e que simplesmente são, sem a necessidade de maiores explicações. Certo? Nem sempre. Em determinados momentos, a lógica das Continue lendo

As transexuais e o feminicídio

As transexuais e o feminicídio

11 minutos As transexuais e o feminicídio     A Constituição Federal prevê em seu artigo 3º, inciso I, como um dos objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil, a constituição de uma sociedade livre, justa e solidária, com a promoção do bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação. Tais diretrizes constitucionais funcionam como alicerces nos quais se encontram estruturadas todas as normas e políticas públicas que devem ser seguidas pelo Estado brasileiro. Visando Continue lendo

Violência Doméstica e Tolerância Social

Violência Doméstica e Tolerância Social

10 minutos VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E TOLERÂNCIA SOCIAL     Mais do que comemoração, o dia 08 de março exige um ato reflexão sobre a condição da mulher no século 21. Ninguém ousaria negar os avanços sociais e políticos alcançados no país ao longo do século passado. Após muitas marchas e contramarchas, cumulando vitórias substanciais, como, por exemplo, a revogação dos artigos do vetusto Código Civil de 1916, que considerava a mulher casada “relativamente incapaz” à promulgação da Constituição de 1988, que acolheu em seu Continue lendo

Da impunidade à bandidolatria

Da impunidade à bandidolatria

5 minutos Da impunidade à “bandidolatria”   Imersa em meio à violência e à incapacidade do estado em fornecer a segurança necessária a cada cidadão, questiona-se a sociedade sobre qual seria a origem dos posicionamentos tão lenientes do nosso legislador e judiciário quando se trata de punição aos criminosos. Estarrecidos, hoje assistimos decisões dos nossos Tribunais Superiores – como a soltura do goleiro Bruno, acusado de cruel assassinato, seguida de sessão de fotos com fãs na porta do Fórum – e a tentativa de Continue lendo